Demi Lovato realizou um show super íntimo em colaboração com a American Airlines e a Mastercard no New York City Center na última quarta-feira. O evento exclusivo foi criado para ajudar os fãs a “perseguirem suas paixões e criarem memórias que serão lembradas por toda vida”. E confie em mim, havia muitas lembranças para serem criadas. Ao longo do show, Demi tirou selfies com fãs, apresentou “Cry Baby” pela primeira vez e revelou a inspiração por trás de suas novas faixas.

Mas antes de subir ao palco, Seventeen teve a chance de conversar com a cantora e falar sobre suas memórias favoritas de viagens. “Eu acho que são todas as vezes que eu vou para o Brasil, eles são muito, muito intensos, e eles são os mais loucos da melhor maneira possível”.

Embora Demi não esteja programada para visitar o Brasil em breve, ela planeja cair na estrada com DJ Khaled para sua nova turnê norte-americana de 20 dias, que começa em 26 de fevereiro. De acordo com sua última publicação no Twitter, as datas ainda estão em planejamento, mas há uma música que ela prefere não cantar ao vivo.

“Uma música que eu estou preparada para tirar é ‘Heart Attack’, mas não vou fazer ainda. Não vou porque sei que muitas pessoas adoram essa música e foi uma grande música para minha carreira, então eu a manterei, mas estou pronta para retirá-la”, revela Demi.

E a música que ela sempre amará cantar? “Skyscraper”, hit de 2011 sobre sua jornada de luta. “Minha maior realização sobre essa música é que ela consegue inspirar outros e fazer com que eles sigam em frente, não importa quais sejam as dificuldades”, contou.

Se você assistiu seu documentário no YouTube, “Demi Lovato: Simply Complicated” (o que você deveria absolutamente fazer, se não fez ainda), você sabe que a Demi vai muito além do palco.

“Eu não sinto mais que estou enjaulada em uma caixa. Me lembro da primeira turnê que eu fiz, eu me apresentava com uma jaqueta vermelha, e era tipo, lá fora fazendo 105 graus em alguns shows e eu vestindo jaqueta porque tinha vergonha de mostrar meus braços. Eu usaria aquela jaqueta de couro por uma hora ou uma hora e meia, por quanto tempo fosse necessário. E agora, eu posso mostrar meus braços e me sentir bem. Alguns dias são mais fáceis que outros, mas eu olho pra trás e vejo o tamanho do caminho que percorri”.

Além de sua próxima turnê, Demi tem muito mais para comemorar, incluindo sua colaboração com o cantor porto-riquenho Luis Fonsi. Seu single “Échame La Culpa” atingiu o primeiro lugar do chart Airplay Latin da Billboard na semana passada.

“Échame La Culpa” de Luis Fonsi e Demi Lovato alcança o topo da Billboard Latin Airplay

Mas, em frente, há outro artista porto-riquenho que Demi esta morrendo de vontade de trabalhar. “Eu participei de um show beneficente para Porto Rico com Jennifer Lopez, e eu adoraria trabalhar com ela. Trabalhamos juntos nesse show e foi ótimo. Ela é minha amiga e eu adoraria fazer algo com ela”.

JLO, se você está lendo isso, faça acontecer!

Fonte: Seventeen
Tradução e adaptação: Equipe Portal Demi