NOTA: 4/5

Obstruída do início do mês devido às suas cordas vocais inchadas, o 1° show de Demi Lovato em Londres, UK gerou uma enorme anciedade. Nós últimos meses ela conseguiu o #1 do Reino Unido com “Solo”, colaboração com Clean Bandit e disponibilizou de surpresa “Sober”, onde revela sua recente recaída alcoólica após 6 anos de sobriedade. No 25 de junho ela performou num palco escuro, sobre holofotes e piano para um final apropriado de seus 90 minutos de sinceridade e sacies.

No Reino Unido, a atriz de 25 anos é à menos conhecida entre os atores infantis que começaram nos canais da Disney e Nickelodeon como Ariana Grande e Miley Cyrus, mas ela compensa isso com franqueza. Aqui, Lovato aparece vulnerável, mas resoluta e seria um ótimo espectador se não fosse seu compromisso para dizer “minha verdade”.

Há um vídeo de uma palestra incrivelmente estimulante; “Todos nós temos uma história, todos nós ja tivemos que lidar com a sensação de estarmos sozinhos”. Ela literalmente ilustra a “solidão” quando sobe ao palco e canta “You Don’t Do It For Me Anymore” novamente sobre um único holofote. Não parece vistoso, mas corajoso; ela também apresenta uma expressiva gratidão aos seus vocais em “Skyscraper”. Lovato usa o cinturão para “Confident”, faz uma tempestade emocional em “Warrior” e o vertiginoso pop para “Cool For The Summer”. O último apresentando uma interação erótica para deixar claro o tema da música (bi curiosidade). Seus vocais são crescentes e equilibrados pela suavidade nata.

O show também é construído em um vídeo onde ela interpreta tanto um terapeuta quanto seu paciente e mais tarde o “Kiss Cam” que movimenta toda platéia. A própria Lovato também trás empoderamento em uma cama de casal onde é observada por seus “namorados”.

Fonte: The Guardian
Tradução: PD