Demi Lovato esteve recentemente disponibilizando sua nova música “Sober” onde revelou ter obtido uma recaída aos seus vícios alcoólicos após 6 anos de sobriedade.

Fonte revelou ao RadarOnline detalhes sobre o término da amizade de Lovato e Mike Bayer. Bayer é o co-fundador do CAST Centers, onde Lovato realizou sua reabilitação anos atrás e também anteriormente teve ligações empresariais.

“Eles estão em uma disputa acirrada por dinheiro e pela marca”, disse fonte ao RadarOnline, acrescentando que às cláusulas do contrato empresárial de Lovato e CAST Centers, especificava que ela se mantivesse sóbria.

Ainda de acordo com a fonte, Lovato não esteve sendo totalmente honesta sobre sua recaída com os colaboradores do CAST Centers. “Ela foi noticiada que teria que deixar a empresa e ela não recebeu a notícia bem. Ela acha que eles devem a ela o sucesso do CAST Centers”, disse fonte.

“Agora todo mundo está muito magoado com suas ações”, contou fonte e acrescentou: “Mas eles também sabem que ela está doente agora. O vício não é uma escolha, é uma doença”.

Porém outra fonte insistiu ao RadarOnline que “Lovato que cortou laços com o CAST Centers e Mike Bayer”. “Demi decidiu que era do interesse de sua sobriedade e sua recuperação que ela não estivesse mais associada ao CAST Center”, disse a 2° fonte.

Ainda de acordo com a 2° fonte, Lovato acredita que alguns “confidentes” comentaram pelos círculos de Hollywood, CA sobre sua recaída alcoólica antes de seu comunicado através de “Sober”, contando que a cantora “se sente traída”.