Na madrugada do dia 8 de Setembro, sexta-feira, Demi Lovato liberou o segundo single promocional de seu novo álbum de estúdio, “Tell Me You Love Me”, com lançamento previsto para o dia 29 de Setembro.

A faixa denominada, “You Don’t Do It For Me Anymore” como já está esperado, está sendo muito elogiada pela crítica especializada, assim como o primeiro single promocional, lançado a duas semanas, que trás o mesmo nome do disco. Confira as principais críticas realizandas pelas principais e mais respeitados sites americanos:

SPIN: “You Don’t Do It for Me Anymore”  justapõe uma batida subjugada com os vocais de Lovato que atingem limites próximos aos da Adele com melisma e virtuosismo.”

MTV: “You Don’t Do It for Me Anymore” é a prova de que Demi finalmente começou a encontrar música digna de seus vocais incríveis.”

CelebMix: “A música, cheia de notas altas e emoções, é apenas um pouco do que podemos esperar deste álbum.”

NewsCult: “Deixe-me te dizer algo, Demi Lovato estava sentindo algo sobrenatural quando ela fez essa música.”

Coastal: “Demi Lovato não estava brincando quando disse que derramaria seu coração em sua nova música. ‘You Don’t Do It For Me Anymore: é uma balada de poder emocionante.”

TigerBeat: “Demi não tem tempo sobrando, ela quer um homem que a trate bem! Essa música crua e nervosa não sairá da sua cabeça facilmente.”

The Middle Phinger: “Um hino que mostra seus vocais extremamente poderosos.”

Seventeen: “A música é dez vezes mais poderosa quando você percebe sobre o que ela se trata realmente. Ela colocou o vocal cru de Demi certeiramente na frente de tudo.”

Hollywood Life: “Uma balada poderosa. Demi coloca seus vocais surpreendentes em exibição.”

PopCrush: “É uma soul-pop dos anos 90. A música é fala sobre a saudade em chamas, que é falada com partes cruéis e lindas – e isso é bom. Ficar de enrolação? Demi não faz mais isso, e “You Don’t Do It for Me Anymore” é uma prova de que ela terminou de dizer o que sempre quis dizer.”

Idolator: “Este seria um single eficaz para os meses mais frios do ano e poderia ser uma das baladas mais bem sucedidas da diva desde o ‘Skyscraper’. É uma balada poderosa que liberta! Há uma beleza nas letras emocionalmente complicadas, e você tem que apreciar a honestidade. Com uma musicalidade mais séria, Demi surgiu como um dos lançamentos mais esperados da semana, e ela ainda não decepcionou.”

A revista Rolling Stone definiu a música com “Cruel”.