Os fãs de Demi Lovato estão acostumados a ver a estrela tocar em grandes arenas, mas a cantora de “Sorry Not Sorry”, deu recentemente a uma seleta multidão a oportunidade de vê-la pessoalmente de perto. Na noite de sexta-feira, Lovato se apresentou em um concerto intimista no House Of Blues para 2,400 pessoas.

“É muito legal que essas apresentações sejam intimistas, eu não consigo fazer isso com muita frequência”, diz Lovato. Como fã de música, ela sabe o quão mágico pode ser ver um artista em um ambiente tão pessoal. “Uma vez eu vi o Paramore em um lugar muito pequeno no Texas e foi incrível”, ela diz à Billboard. “Eu realmente conseguia ver a Hayley Williams e vê-la se apresentar em um show intimista foi muito legal”.

O recente show da cantora na House Of Blues veio cheio de nostalgia. “Esses shows me fazem lembrar dos meus dias de fazer passeios em teatros”, diz ela com carinho. Ela diz que inicialmente seus shows eram muito diferentes da sua forma atual, especificamente quando se trata de acesso aos fãs. “Uma vez, eu estava me apresentando na House of Blues e um fã invadiu meu vestiário enquanto eu não estava lá. A segurança não era tão reforçada quanto hoje em dia, claro, o que foi bastante engraçado”, lembra Lovato. Então, o que aconteceu quando a cantora de “Cool For The Summer” percebeu que seu vestiário havia sido invadido? “Então eu entrei e perguntei quem ela era, e ela acabou congelando e ficando em silêncio”, ela diz, com uma risada, observando que a fã não conseguiu se compor o suficiente para pedir um autógrafo ou uma selfie: Ela estava completamente chocada ao ver Lovato de pé diante dela.

Enquanto a estrela não volta a se apresentar em teatros, essa experiência íntima é algo que ela pretende levar com ela para sua próxima turnê, Tell Me You Love Me Tour, que começa em 26 de fevereiro em San Diego. “Eu vou me apresentar em arenas, e quero realmente me certificar que, independente do assento, você consiga ver meu show de perto, o máximo possível”, diz ela. “Eu não quero ficar muito distante, mais definitivamente ficarei o mais perto e íntimo do meu público.

A cantora conta à Billboard que os fãs podem esperar “muito mais produção” em seus shows atuais. “Isso representará quem eu sou como pessoa e artista e não posso esperar por esse pais em ver”, acrescenta.

Lovato não poderia estar mais feliz de cair na estrada com DJ Khaled, um artista que ela admira. “O que eu estou mais entusiasmada é a energia dele”, explica ela. “Eu acho que ele vai trazer muito para o show, e acho que vai ser realmente emocionante ver quais convidados ele trás”. Lovato também insinuou que existe a chance da dupla aparecer juntos no palco em algum momento do show: “Você só precisará esperar e ver”, ela provoca.

Enquanto ela prepara sua próxima turnê – com “muitos ensaios e sessões de exercícios”, Lovato ainda está tentando digerir o fato de que “Sorry Not Sorry”, recentemente ultrapassou 400 milhões de streams no Spotify. “Não dá para entender algo tão grande assim, mas é muito legal e eu estou muita grata!”, exclama.

Independentemente do que ela faz profissionalmente, Lovato revela que ela atente o conselho que altera a vida, que foi lhe dado quando era adolescente: “Quando eu tinha 15 ou 16 anos, escrevi algumas músicas com John Mayer, e ele me escreveu uma carta que dizia: ‘Siga seus instintos. Vocês realmente possui bons instintos’. Desde então eu sigo meus instintos e me ajudou muito”, revela.

Lovato tem uma grande surpresa no caminho dos fãs. “Eu fiz uma parceria com um dos meus maiores ídolos. Eu ainda não posso falar quem é ainda, mas você vai descobrir em breve. Mal posso esperar pro mundo ouvir, é uma música incrível”.

Ela também revelou que ficou muito obcecada com a SZA desde o início – “Eu realmente gosto das novas músicas dela” – e que a colaboração atual dos seus sonhos é com Eminem. “Seria muito legal trabalhar com ele. Eu acho ele um rapper incrível e podemos fazer coisas legais juntos”.

Fonte: Billboard
Tradução e adaptação: Equipe Portal Demi